breaking news

FUTEBOL – 2ª Divisão joga-se a Norte

Agosto 7th, 2011 | by Luis F Silva

A tendência para a deslocalização do futebol para o Norte do País tem sido uma constante nos últimos anos, agravada nas últimas épocas pela inclusão injustificada das equipas da Madeira na série A e das dos Açores, ora na série C, ora na série B, como acontece esta época.

Este campeonato, sem dúvida o mais desconcertante de todos, visto que, nem todos os vencedores de série sobem de escalão, nem parece ser a prova mais importante de entre as que são organizadas pela Federação Portuguesa de Futebol, retrata esta época, a deslocação do futebol para o Norte do País, com uma Zona Norte restringida ao Minho, a Trás os Montes e às equipas madeirenses, uma Zona Centro com as equipas açoreanas a jogar à volta do Porto e uma Zona sul, que abarca os concorrentes do Distrito de Viseu até ao Algarve.

Esta época a prova começa a 4 de Setembro e tem a última jornada marcada para 29 de Abril. O sorteio ditou os seguintes jogos para a jornada inaugural:

Zona Norte )

Marítimo B – Ribeirão
Merelinense – Ribeira Brava
Varzim – Fafe
Lousada – AD Oliveirense
Camacha – Tirsense
Os Limianos – Vizela
Desportivo de Chaves – Macedo de Cavaleiros
Mirandela – Famalicão

Zona Centro )

Padroense – Anadia
Cinfães – Angrense
Amarante – São João de Ver
Oliveira do Bairro – Tondela
Boavista – Aliados do Lordelo
Madalena – Gondomar
Operário – Coimbrões
União de Paredes – Sporting de Espinho

Zona Sul )

Estrela de Vendas Novas – Caldas Sport Clube
1º de Dezembro – Mafra
Oriental – Juventude de Évora
Tourizense – Pinhalnovense
Torreense – Fátima
Sertanense – Louletano
Carregado – Atlético de Reguengos
Moura – Monsanto

Numa primeira análise, Varzim (despromovido na época passada), Desportivo de Chaves e Camacha partem como favoritos à vitória na Zona Norte, Padroense (vencedor de série não promovido), Boavista e Gondomar devem lutar pela vitória na Zona Centro, enquanto que, na Zona Sul, Fátima (despromovido), Mafra e Torreense parecem ser as equipas com maiores aspirações.

Luis Filipe Silva

Deixe uma resposta

UA-3566882-2